Reabertura das piscinas autorizada, em nova realidade de ambiente COVID-19

38120

Após cerca de dois meses de o país estar em total confinamento, e de no último mês estarem a ser tomadas medidas graduais e faseadas de desconfinamento, a resolução do Conselho de Ministros de 29 de maio, a par com as normas emitidas pela Direção Geral de Saúde deram luz verde para a reabertura das piscinas.

É uma reabertura que se quer com responsabilidade de todos os intervenientes, desde os proprietários dos equipamentos, aos seus funcionários, técnicos, professores, alunos, atletas, famílias e utentes em geral. Cada um, tal como no dia a dia na sociedade civil, tem de cumprir a sua parte, respeitando-se a si e aos que o rodeiam na comunidade em que vive, para que o regresso à possível normalidade em ambiente de COVID-19 seja feito em máxima segurança de saúde pública, prevalecendo a prioridade da saúde e bem estar de todos, sem exceção.

Recomendamos a leitura atenta dos seguintes documentos:

Resolução do Conselho de Ministros de 29 maio 2020

Normas definidas pela Direção Geral de Saúde

Informação resumida e sintetizada pelo IPDJ